PressReleases

|
28 de setembro de 2016

Paradas Gerais da Klabin impulsionam economia de cidades em Santa Catarina

Comércio chega a registrar o triplo de rendimento, além de integrar o ciclo de fomento da mão de obra local

Santa Catarina, 28 de setembro de 2016 – A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do Brasil e líder nos segmentos de embalagens e papelão ondulado e sacos industriais, realiza periodicamente as chamadas “Paradas Gerais” em suas fábricas de papel, que consistem na interrupção da produção para manutenções com o objetivo de garantir o eficiente funcionamento dos equipamentos, a segurança e a qualidade das linhas de produção.

Entre as principais atividades estão as instalações e inspeções em caldeiras, digestores, sistemas de geração e de distribuição de energia e de controle do processo produtivo. O período de duração de uma Parada Geral pode variar de uma semana a um mês. Com isso, aumenta-se consideravelmente o número de trabalhadores temporários, o que requer logística e infraestrutura que contemplam transporte, acomodações, refeições e outros, incentivando fortemente a movimentação da economia das cidades.

Além disso, cresce a geração de impostos para os municípios nesses períodos, devido aos fluxos extras em hotéis, lojas, bares e restaurantes. Nas cidades de Otacílio Costa e Correia Pinto, a Parada Geral da Klabin é considerada o momento de maior alta do ano, que demanda a contratação de pessoal, ampliação dos horários de funcionamento dos estabelecimentos comerciais, estoques, entre outros. Os restaurantes das cidades alcançam o triplo do rendimento e fomentam a mão de obra local ao aumentarem o quadro de funcionários para atender o alto consumo. De acordo com Maria Regina Rigon, proprietária dos restaurantes Cabana I e II, em Otacílio Costa, durante a Parada Geral os estabelecimentos registraram um crescimento de 200% na quantidade de refeições servidas, entre café da manhã, almoço e jantar; elevando assim, o faturamento em cerca de 60%.

Considerando-se as Paradas Gerais de 2016 na Unidade Otacílio Costa, que produz papel kraftliner, e na Unidade Correia Pinto, que fabrica papel para sacos industriais (sackraft), foram contratadas cerca de 115 empresas e quase 3 mil colaboradores terceiros para as atividades. Além disso, a Klabin promoveu cerca de 24 mil horas de treinamentos para os colaboradores e mais de 1.100 horas para técnicos.

Sobre a Klabin

A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do Brasil, é líder na produção de papéis e cartões para embalagens, embalagens de papelão ondulado e sacos industriais. Fundada em 1899, possui 16 unidades industriais no Brasil e uma na Argentina. Está organizada em quatro unidades de negócios: Florestal, Celulose (fibra curta, fibra longa e fluff), Papéis (papel cartão, papel kraft e reciclados) e Embalagens (papelão ondulado e sacos industriais).

Toda a gestão da empresa está orientada para o Desenvolvimento Sustentável, buscando crescimento integrado e responsável, que une rentabilidade, desenvolvimento social e compromisso ambiental. A Klabin integra, desde 2014, o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), da BM&FBovespa. Também é signatária do Pacto Global da ONU e do Pacto Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo, buscando fornecedores e parceiros de negócio que sigam os mesmos valores de ética, transparência e respeito aos princípios de sustentabilidade.

Saiba mais: www.klabin.com.br

Assessoria de Imprensa – Klabin

In Press Porter Novelli

Vera Aranha – (11) 3046-7714 – vera.aranha@inpresspni.com.br

Alcione Cavalcante – (11) 3323-3787 – alcione.cavalcante@inpresspni.com.br

Giovana Savine – (11) 3323-1629 – giovana.savine@inpresspni.com.br

Assessoria de Imprensa

Contato da Imprensa Klabin S.A.

Juliana Onofri | +55 (11) 4871-1466 - juliana.onofri@inpresspni.com.br
Alessandro Abate | +55 (11) 3323-3829 - alessandro.abate@inpresspni.com.br
Alcione Cavalcante | +55 (11) 4871-1473 - alcione.cavalcante@inpresspni.com.br
Giovana Battiferro | +55 (11) 3330-3806 - giovana.battiferro@inpresspni.com.br

Facebook

Agora é a hora de conhecer a Casa Museu Eva Klabin, onde estão muitas obras selecionadas pela colecionadora ao longo de anos, em viagens feitas pelos mais diversos países. Uma verdadeira relíquia! 😍

Assim como Ema e seu museu, Eva Klabin morou nesse espaço durante 30 anos. A sua casa foi uma das primeiras na Lagoa Rodrigo de Freitas e hoje guarda obras que vão desde o Egito Antigo até o Impressionismo. A ideia de abrir a Fundação ao público veio da própria Eva e foi colocada em prática em 1995. Ela queria deixar seu legado para a cidade do Rio de Janeiro, oferecendo uma atividade cultural de qualidade. Aí na foto, você pode ver o Bodoir, um pequeno escritório ligado ao quarto de dormir, cheio de obras de várias partes do mundo! 🌎

Para conhecer o acervo de pertinho, é só ir até a Avenida Epitácio Pessoa, número 2.480, Lagoa, no Rio de Janeiro - RJ. A Casa Museu funciona de terça a domingo, das 14 às 18h, com ingressos gratuitos nos fins de semana e feriados. 🎫


#PraCegoVer card com fotografia do Bodoir na Casa Museu Eva Klabin, destacando as obras renascentistas. Acima à esquerda, está a frase Casa Museu Eva Klabin.
... Ver MaisVer mais

1 dia atrás  ·  

Visualizar no Facebook

Youtube