PressReleases

Press Release
|
27 de outubro de 2014

Klabin utiliza fontes renováveis em 86% de sua matriz energética

Resultado representa aumento de 9,4% em comparação a 2010; - Companhia tem como meta elevar índice para 88% em até cinco anos.

São Paulo, 27 de outubro de 2014 – A Klabin, preocupada com a utilização de sua energia direta e indireta, alcançou em 2013 o índice de 86,7% de utilização de fontes renováveis na produção de eletricidade em sua matriz energética. A empresa, que tem como meta chegar ao índice de 88% até 2017, prioriza o aprimoramento da eficiência energética de suas fábricas.

Para atingir esse resultado, a empresa, que investe constantemente em seus equipamentos – instalou caldeiras movidas à biomassa – folhas e galhos não utilizados no processo de produção de celulose – em todas as suas unidades, em substituição ao óleo combustível, e colocou em prática uma série de melhorias em seus processos de produção. Com isso, a Klabin reforça sua preocupação com o tema e mostra aumento progressivo na utilização de suas fontes energéticas renováveis e limpas.

As fontes renováveis utilizadas pela Klabin estruturam-se sobre três pilares: a queima de licor preto (subproduto gerado no processo produtivo), caldeiras movidas à biomassa em substituição ao óleo combustível e energia elétrica própria de geração hidráulica. A empresa também busca energia elétrica de matrizes limpas, como fontes eólica e solar.

Vale destacar que a nova fábrica de celulose da Klabin, prevista para ser inaugurada em 2016 no município de Ortigueira (PR), será autossuficiente em energia. A nova planta terá capacidade para gerar 270 MW de energia a partir da utilização de biomassa, dos quais 150MW serão disponibilizados ao sistema elétrico brasileiro, energia suficiente para abastecer uma cidade de 500 mil habitantes.

Iniciativas como esta reforçam os princípios de sustentabilidade da Klabin em todas as suas atividades e contribuem para a sua atuação economicamente viável, socialmente justa e ambientalmente correta.

Sobre a Klabin

A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do Brasil, produz papéis e cartões para embalagens, embalagens de papelão ondulado, sacos industriais e madeira em toras. Fundada em 1899, possui atualmente 15 unidades industriais no Brasil e uma na Argentina. Está organizada em três unidades de negócios: Florestal, Papéis (papelcartão, papel kraft e reciclados) e Conversão (papelão ondulado e sacos industriais).

Toda a gestão da empresa está orientada para o Desenvolvimento Sustentável, buscando crescimento integrado e responsável, que une rentabilidade, desenvolvimento social e compromisso ambiental. Em 2014, a Klabin integra, pela primeira vez, o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), da BM&FBovespa. Também é signatária do Pacto Global da ONU e do Pacto Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo, buscando fornecedores e parceiros de negócio que sigam os mesmos valores de ética, transparência e respeito aos princípios de sustentabilidade.

Saiba mais em www.klabin.com.br

Assessoria de Imprensa

Contato da Imprensa Klabin S.A.

Juliana Onofri | +55 (11) 4871-1466 - juliana.onofri@inpresspni.com.br
Alessandro Abate | +55 (11) 3323-3829 - alessandro.abate@inpresspni.com.br
Alcione Cavalcante | +55 (11) 4871-1473 - alcione.cavalcante@inpresspni.com.br
Giovana Battiferro | +55 (11) 3330-3806 - giovana.battiferro@inpresspni.com.br

Facebook

Você sabia que a Klabin projetou um bonde aéreo sobre o Rio Tibagi para ligar de forma mais rápida a Unidade Monte Alegre ao Centro de Telêmaco Borba, no Paraná? Mais do que um meio de transporte dos nossos colaboradores, o Bondinho, como é carinhosamente chamado, é também uma atração turística da região. O projeto, inaugurado no dia 11 de novembro de 1959, se mantém em operação até hoje, e possui capacidade para 32 passageiros por cabine, em um percurso de 1.318 metros que leva 3 minutos e 40 segundos.

Já teve a oportunidade de andar no nosso bondinho? Deixe seus parabéns para o aniversariante do dia e conte como foi sua experiência nesse passeio. 🚠🎂

#PraCegoVer série de três fotografias do Bonde da Klabin. A primeira imagem em preto e branco mostra a construção do teleférico, onde ao fundo nove pessoas trabalham em uma cabine, no canto esquerdo está o ano da foto: "1959". A segunda imagem em preto e branco apresenta uma cabine com passageiros e no canto esquerdo o ano da foto: "1989". A última imagem colorida, mostra o teleférico na área de embarque e no canto esquerdo, o ano da foto: "2019".
... Ver MaisVer mais

1 dia atrás  ·  

Visualizar no Facebook

Youtube